22.9.15

Arranjo típico de tubulação para um Motor de partida a Ar - Partida com Ar Comprimido - Nota - Manual de Aplicação - Grupos Geradores Arrefecidos a Água T-030d-07 08/03 - Cummins



Partida com Ar Comprimido: Os sistemas de partida do motor com ar comprimido estão disponíveis para alguns grupos geradores maiores. A partida a ar pode ser indicada para algumas aplicações de energia Prime desde que o ar comprimido esteja prontamente disponível. A Figura 4-16 mostra um arranjo típico de tubulação para um sistema de motor de partida a ar. Considere os itens abaixo para determinar os equipamentos necessários para a instalação de um sistema de partida a ar:

• O fabricante do motor deverá ser consultado quanto à recomendações relativas à bitola da mangueira de ar e o volume mínimo exigido do tanque para cada segundo de partida. O tamanho do tanque dependerá do tempo mínimo de partida necessário. Todos os motores de partida fornecidos pela Cummins Power Generation têm uma classificação máxima de pressão de 1035 kPa (150 psig).

• Os tanques de ar (receptores) devem ser equipados com uma válvula de dreno do tipo roscada (outros tipos não são recomendados por serem uma fonte comum de vazamentos de ar). A umidade pode danificar os componentes do motor de partida.

• Todas as válvulas e acessórios do sistema devem ser projetados para a partida a ar de motores diesel.

• As conexões de tubos devem ser do tipo de vedação seca e devem ser feitas com selador de rosca. Não é recomendo uso de fita Teflon pois ela não fixa as roscas adequadamente e é uma fonte de resíduos que podem obstruir as válvulas.

Nota: As baterias, embora de capacidade muito menor, ainda serão necessárias para o controle do motor e para a monitoração dos sistemas quando for utilizada a partida a ar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário