18.7.15

Classes de incêndio - Classe A - Classe B - Classe C - Classe D - Classe K - Prevenção e Combate a Sinistros causados por Incêndio


Classes de incêndio

Segundo a NBR 12693:2010, os incêndios são classificados em quatro classes diferentes:

Incêndio classe A
É o incêndio que acontece em materiais sólidos em geral, ou seja, em materiais que queimam em superfície e profundidade. Após a queima, restam resíduos (Figura 1.8). Como exemplo, podemos citar: madeira, papel, tecido, borracha, isopor, plástico, entre outros.

Figura 1.8: Fogo classe A (materiais combustíveis sólidos) - Fonte: CTISM


Incêndio classe B
É o incêndio que acontece em líquidos combustíveis e inflamáveis, ou seja, substâncias que queimam somente na superfície e não deixam resíduos (Figura 1.9). Como exemplo, podemos citar: gasolina, álcool, diesel, thinner, querosene, GLP, butano, propano, acetileno, entre outros.

Figura 1.9: Incêndio classe B - Fonte: CTISM


Incêndio classe C
É o incêndio que acontece em equipamentos elétricos energizados. Como exemplo, podemos citar: motores elétricos energizados (Figura 1.10), transformadores energizados, quadros de distribuição energizados, ventiladores energizados, condicionadores de ar energizados e outros.

Figura 1.10: Fogo classe C (fogo em equipamentos elétricos energizados) - Fonte: CTISM

Todo equipamento elétrico desenergizado será considerado fogo classe A e, portanto, combatido como tal.


Incêndio classe D
É o incêndio que ocorre em elementos pirofóricos, ou seja, elementos metálicos capazes de entrar em combustão pelo simples contato com o oxigênio do ar atmosférico. Como exemplo, podemos citar: magnésio, titânio, zircônio, sódio.

Figura 1.10a: Fogo classe D


Incêndio classe K
Essa classe de incêndio não está prevista na legislação brasileira (pelo menos até este momento), mas é prevista em normas internacionais, como a NFPA 10, desde 1998 (National Fire Protection Association) e, como envolve riscos, não podemos deixar de fazer um alerta em relação a este assunto.

O incêndio classe K é o tipo de sinistro que acontece em óleos, em banhas e em gorduras utilizados em cozinhas, os quais, aliados a altas temperaturas, podem provocar um incêndio (Figura 1.11).

Figura 1.11: Incêndio classe K - Fonte: CTISM


Nenhum comentário:

Postar um comentário